Justiça Federal liberou dinheiro das RPVs aprovadas em agosto para 94.698 beneficiários.

A Justiça Federal liberou R$ 1,4 bilhão de atrasados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para aposentados, pensionistas e outros segurados que venceram ações previdenciárias e assistenciais, como revisões de aposentadorias, auxílios-doença, pensões e outros benefícios.

Ao todo, entraram neste lote 75.547 processos, com 94.698 beneficiários no país. Incluindo as RPVs que não são previdenciárias ou assistenciais.

Para o Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que atende segurados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, foram liberados R$ 205 milhões para pagar 8.414 processos previdenciários e assistenciais, que contemplam 9.766 beneficiários.

Pagamentos atrasados
Após receber a verba do CJF, o tribunal leva, em média, sete dias para concluir a liberação dos pagamentos.

Na etapa de processamento dos valores, o tribunal abre uma conta na Caixa Econômica Federal ou no Banco do Brasil. Após a conclusão do processamento, é possível consultar, no site do tribunal, em qual banco o dinheiro foi liberado.

Com informações do Agora São Paulo

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer deixar um comentário?
Fique à vontade para isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.